Dezasseis pilotos candidatos para quatro títulos em duas corridas


A quarta e última ronda do Iberian Supercars Endurance, no próximo fim de semana (18, 19 e 20), no Autódromo do Estoril, deixa antever momentos de muita emoção e competitividade, já que vão ser decididos os quatro títulos de campeão (GT4 Pro, GT4 Bronze, GTC e TCR) e há… um total de 16 pilotos candidatos a sair do Estoril com o troféu de vencedores no campeonato.

A indecisão dos títulos até às duas últimas corridas do ano reflete a fórmula de sucesso proporcionada pelo regulamento do Iberian Supercars, que junta na mesma grelha carros das classes GT4, GTC e TCR, todos com BoP (equilíbrio de performance) definido a nível internacional, de modo a garantir que a equidade de andamentos em pista seja uma realidade. Assim se explica que todas as decisões da competição ficassem reservadas para a última prova do ano.

Na classe GT4 Pro há seis pilotos com aspirações à conquista do primeiro lugar, sendo que tanto Manuel Gião como Elias Niskanen, no Mercedes-AMG GT4 da eslovena Lema Racing, partem com uma vantagem de 12 pontos face a Fernando Navarrete e Gonzalo de Andrés, no McLaren 570S GT4 da SMC Motorsport. Será, em princípio, entre aquelas duplas que a questão do título irá ser discutida. Contudo, matematicamente, a dupla desta mesma equipa madrilena constituída por Guillermo Aso e Tomás Pintos, também no McLaren 570S GT4, ainda pode aspirar ao primeiro lugar final, pois soma menos 37 pontos que os líderes, mas já não depende apenas de si para alcançar tal objetivo…

Na classe GTC, Álvaro Ramos e Fred Block, no McLaren 570S GT4 da Araújo Competição, são os líderes, com mais 25 pontos que Bruno Pires e Alvaro Fontes, os vencedores em Portimão com o Porsche 911 Cup da Fabela Sport, e a expetativa vai, com toda a certeza, manter-se até ao baixar da bandeira xadrez na segunda corrida do Estoril.

Com seis pontos de vantagem no comando da classe GT4 Bronze, Miguel Cristóvão e Francisco Carvalho, no McLaren 570S GT4 da Araújo Competição, são os favoritos frente a Andrius Zemaitis, que guia o Porsche Cayman GT4 da equipa ProGT, mas um eventual percalço dos primeiros poderá deixar o lituano a caminho do título…

Interessante será, igualmente, a discussão do título na classe TCR, na qual há três candidatos a fazer a festa. António Coimbra e Luís Silva, a dupla do Hyundai Elantra N TCR da Sports & You, estão no primeiro lugar com mais seis pontos que Daniel Teixeira, o piloto do CUPRA da JT59 Racing Team, cujo andamento, devido a problemas mecânicos, nem sempre se tem traduzido em resultados. Nesta ronda do tudo por tudo, só “jogando” ao ataque Teixeira poderá anular a sua atual desvantagem.